Tribulus terrestrisBula do Princípio Ativo

Tribulus terrestris - Para que serve?

Regulador hormonal e aumento da espermatogênese.

Tribulus terrestris é indicado para melhora do desequilíbrio hormonal e aumento da produção de espermatozoides em pacientes que apresentam alterações das funções sexuais devido a uma baixa concentração do hormônio dehidroepiandrosterona (DHEA) no organismo.

Tribulus terrestris: Contraindicação de uso

Não existem relatos de contra-indicações na posologia indicada.

Hipersensibilidade (alergia) a qualquer um dos componentes.

Este medicamento é contraindicado para uso por crianças.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

Tribulus terrestris: Posologia e como usar

Ingerir 1 (um) comprimido, 3 (três) vezes ao dia.

Recomenda-se o uso por 60 dias.

Os comprimidos devem ser ingeridos inteiros e com quantidade suficiente de água para que possam ser deglutidos.

Os comprimidos devem ser ingeridos inteiros e com uma quantidade suficiente de água para que possam ser deglutidos.

Ingerir um comprimido, via oral, uma vez ao dia, a cada 24 horas.

A dose diária não deve ultrapassar a um comprimido ao dia.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.

Tribulus terrestris - Reações Adversas

Ainda não foram relatadas a intensidade e a freqüência das reações adversas.

Pode ocorrer irritação da mucosa gástrica e refluxo.

Informe seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico do aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento.

Informe também à empresa através do seu Serviço de Atendimento ao Consumidor.

Tribulus terrestris: Superdose

Em caso de superdosagem, recomenda-se suspender o uso e procurar orientação médica.

Não há relatos de superdosagem relacionados à ingestão de Tribulus terrestris . Recomenda-se tratamento sintomático e controle das funções vitais.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001 se você precisar de mais orientações.

Tribulus terrestris: Interações medicamentosas

O uso do produto com preparações hormonais pode potencializar o seu efeito.

Informe seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento de seu médico. Pode ser perigoso para sua saúde.

Tribulus terrestris: Precauções

Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.

Não administrar doses maiores do que as recomendadas.

De acordo com a categoria de risco de fármacos destinados às mulheres grávidas, este fitoterápico apresenta categoria de risco B. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Portadores de hiperplasia benigna de próstata somente devem utilizar este produto após avaliação médica.

Uso adulto. Não existem recomendações específicas para o uso de Tribulus terrestris em pacientes idosos e outros grupos de risco.

Portadores de hiperplasia benigna de próstata somente devem utilizar este produto após avaliação médica.

Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.

Informe seu médico da ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após seu término.

Informe seu médico se está amamentando.

Tribulus terrestris: Ação da substância no organismo

Características Farmacológicas

Tribulus terrestris é constituído pelo extrato seco de tribulus ( Tribulus terrestris ) padronizado em saponinas esteroidais calculadas como protodioscina

A protodioscina eleva os níveis de dehidroepiandrosterona (DHEA) no fluxo sanguíneo. O DHEA é um hormônio envolvido no sistema imune e o seu aumento resulta em uma melhor auto-estima e bem-estar geral. A protodioscina age, também, simulando a enzima 5-a-redutase, a qual converte a testosterona em dehidrotestosterona (DHT). O DHT possui um importante papel na formação das células sanguíneas e no desenvolvimento muscular.

Isto contribui diretamente com a sensação de bemestar físico e melhora da circulação de oxigênio pelo corpo.

Com relação à espermatogênese, a protodioscina estimula as células germinativas e de Sertoli, aumenta o número de espermatogônias, espermatócitos e espermátides sem alterar o diâmetro dos túbulos seminíferos, resultando no aumento na produção de espermatozóides.

A protodioscina regula o balanço hormonal do organismo sem interferir nos mecanismos fisiológicos de regulação hormonal.

Visto que alguns estudos relatam o uso do tribulus para os casos de frigidez, esterilidade ovariana endócrina, climatério e síndrome pós-castração, este medicamento pode ser indicado para o sexo feminino.

Fonte do conteúdo

Entramos em contato com você

Ganhe tempo com mais praticidade na gerenciamento da agenda, controle financeiro e prontuários eletônicos.