Polypodium leucotomosBula do Princípio Ativo

Polypodium leucotomos - Para que serve?

Polypodium leucotomos é indicado para profilaxia da erupção polimorfa à luz.

Polypodium leucotomos: Contraindicação de uso

Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula.

Este medicamento é contraindicado para uso por crianças.

Polypodium leucotomos: Posologia e como usar

As cápsulas devem ser ingeridas inteiras e com uma quantidade suficiente de água para que possam ser deglutidas.

Posologia do Polypodium leucotomos

Administrar 3 (três) a 5 (cinco) cápsulas ao dia.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

Polypodium leucotomos - Reações Adversas

Ocasionalmente podem ocorrer desconfortos gástricos leves e reação alérgica, como por exemplo, prurido.

Atenção: este produto é um medicamento novo e, embora as pesquisas tenham indicado eficácia e segurança aceitáveis, mesmo que indicado e utilizado corretamente, podem ocorrer eventos adversos imprevisíveis ou desconhecidos. Nesse caso, notifique os eventos adversos pelo Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária – NOTIVISA, disponível em http://www.anvisa.gov.br/hotsite/notivisa/index.htm, ou para a Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal.

Polypodium leucotomos: Interações medicamentosas

Não existem relatos de interações medicamentosas com o uso do produto.

Polypodium leucotomos: Precauções

Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso.

Categoria de risco C na gravidez.

Não foram realizados estudos em animais e nem em mulheres grávidas; ou então, os estudos em animais revelaram risco, mas não existem estudos disponíveis realizados em mulheres grávidas

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Polypodium leucotomos: Ação da substância no organismo

Resultados de Eficácia

Um estudo 1 avaliou a utilização oral do extrato de Polypodium leucotomos na prevenção de queimaduras e reações de fototoxicidade induzidas por psoraleno, bem como a depleção de células de Langerhans na pele humana. O extrato mostrou ser fotoprotetor contra os efeitos da radiação solar eritematogênica, contra a reação fototóxica e exposição à luz solar.

Referência

1 González, S et al. Topical or oral administration with na extract of Polypodium leucotomos prevents acute sunburn and psoralen-induced phototoxic reactions as well as depletion of Langerhans cells in human skin. Photodermatol Photoimmunol Photomed. 13:50-60, 1997.

Características Farmacológicas

Polypodium leucotomos é rapidamente absorvido após administração oral, atingindo picos plasmáticos 2 horas após administrado.

Estudos in vivo mostraram que o Polypodium leucotomos atenua de maneira significativa a fototoxicidade causada pela radiação solar, apresentando capacidade de manter a morfologia e densidade numérica de células de Langherhans logo após exposição à radiação UV.

Fonte do conteúdo

Fonte: Bula do Profissional do Medicamento Inthos ® .

Entramos em contato com você

Ganhe tempo com mais praticidade na gerenciamento da agenda, controle financeiro e prontuários eletônicos.