Nitrato de FenticonazolBula do Princípio Ativo

Nitrato de Fenticonazol - Para que serve?

Nitrato de Fenticonazol óvulo vaginal é indicado para o tratamento de candidíase da mucosa vaginal ( vulvovaginite , vaginite e leucorreia).

Nitrato de Fenticonazol: Contraindicação de uso

Hipersensibilidade aos componentes do produto.

Este medicamento é contraindicado para crianças.

Este medicamento é contraindicado para uso por homens.

Nitrato de Fenticonazol: Posologia e como usar

Nitrato de Fenticonazol solução dermatológica spray é indicado para micoses extensas e em locais difíceis de alcançar. Aplicar a solução dermatológica spray 1 a 2 vezes ao dia, após lavagem e secagem da região afetada. A duração do tratamento é a critério médico. O limite máximo diário é de 2 aplicações.

Observação: no primeiro uso, é necessário pressionar a válvula 3 vezes para a saída do produto.

Atenção: Em caso de pé de atleta e onicomicoses, para evitar reinfecções, é recomendado continuar o tratamento por uma a duas semanas após desaparecerem as manifestações.

Atenção: a válvula do medicamento não é removível. O medicamento já vem pronto para o uso. Portanto, não deve ser perfurado e nem introduzido objetos pontiagudos no aplicador, pois isto irá danificá-lo e irá alterar a dose do medicamento liberada, além de permitir uma possível contaminação.

Nitrato de Fenticonazol creme dermatológico é indicado para o tratamento de pele e mucosa. Aplicar o creme dermatológico 1 a 2 vezes ao dia, após lavagem e secagem da região afetada, esfregando suavemente. A duração do tratamento é a critério médico.

Pitiríase versicolor, eritrasma e onicomicoses (micoses de unha). Nos casos de onicomicoses, aplicar o creme e em seguida, proteger o local com um curativo. O creme também é adequado para uso em micoses da genitália masculina. O limite máximo diário é de 2 aplicações.

Atenção: Em caso de pé de atleta e onicomicoses, para evitar reinfecções, é recomendado continuar o tratamento por uma a duas semanas após desaparecerem as manifestações clínicas.

O óvulo deve ser introduzido profundamente na vagina, com auxílio do aplicador, em dose única.

Para evitar uma reinfecção, o parceiro também deve ser tratado conforme orientação médica específica.

Siga as instruções ilustradas nos seguintes diagramas.

Assegure-se que o aplicador está perfeitamente limpo.

O creme deve ser introduzido na vagina com o aplicador cheio (5 g de creme). Deve-se utilizar um aplicador por dia, que deve ser descartado após o uso. O creme deve ser utilizado por 7 dias consecutivos.

Para evitar uma reinfecção, o parceiro também deve ser tratado conforme orientação médica específica.

Siga as instruções ilustradas nos seguintes diagramas.

Assegure-se que o aplicador está perfeitamente limpo.

Lavar bem as mãos antes e depois das aplicações com Nitrato de Fenticonazol creme vaginal.

Todas as aplicações devem ser feitas à noite, antes de deitar.

O limite máximo diário é de 1 aplicação.

Nitrato de Fenticonazol - Reações Adversas

Leve sensação de ardor, queimação cutânea, irritação, prurido, escamação e eczema que deverá desaparecer rapidamente.

Queimação cutânea no local da aplicação, hipersensibilidade, irritação cutânea, prurido, descamação, eczema, rash e eritema, relatados após a aplicação tópica de Nitrato de Fenticonazol.

Em estudos clínicos, Nitrato de Fenticonazol óvulo e creme vaginal tem se demonstrado muito bem tolerado, com baixa ocorrência de eventos adversos.

Algumas reações adversas podem ocorrer em casos isolados.

Ardor, irritação e/ou prurido no local, reação de hipersensibilidade

Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária-Notivisa, disponível em http://www.anvisa.gov.br/hotsite/notivisa/index.htm, ou para a Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal.

Nitrato de Fenticonazol: Interações medicamentosas

Não existem evidências na literatura da ocorrência de interações clinicamente relevantes com outros medicamentos nem outras formas de interação.

Não existem evidências na literatura da ocorrência de interações clinicamente relevantes com outros medicamentos.

A absorção sistêmica do Nitrato de Fenticonazol óvulo vaginal / creme vaginal é muito baixa, e não existem evidências na literatura de ocorrência de interações clinicamente relevantes com outros medicamentos nem outras formas de interação.

Nitrato de Fenticonazol: Precauções

Deve-se lavar bem as mãos antes e após a aplicação de Nitrato de Fenticonazol solução dermatológica spray. Deve-se evitar o contato do medicamento com os olhos, se ocorrer, lavar abundantemente com água.

O uso de produtos para aplicação tópica, especialmente se usados prolongadamente, pode causar sensibilização. Nesse caso deve-se suspender o tratamento e estabelecer uma terapia conveniente.

Categoria de risco na gravidez: C. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Na hora da aplicação na lesão ou da inserção intravaginal, pode ocorrer uma leve sensação de ardência que desaparece rapidamente.

Mulheres grávidas não devem utilizar aplicador sem orientação médica.

Existem relatos de que preparações intravaginais de Nitrato de Fenticonazol podem danificar os contraceptivos de látex (preservativos) e, dessa maneira, medidas contraceptivas adicionais são necessárias durante a aplicação local.

Embora a absorção vaginal de Nitrato de Fenticonazol óvulo vaginal seja muito baixa, o uso do produto durante a gravidez não é recomendado.

Categoria de risco na gravidez: C. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Nitrato de Fenticonazol: Ação da substância no organismo

Resultados de Eficácia

Em um estudo randomizado de 40 pacientes portadores de pitiríase versicolor, candidíase ou dermatofitoses que foram tratados com Nitrato de Fenticonazol ou miconazol , observou-se a cura clínica foi obtida em 16 pacientes e houve melhoras nos outros 4 pacientes tratados com Nitrato de Fenticonazol. Em pacientes tratados com miconazol haviam 14 clinicamente curados e cinco com melhoras. Ambas as drogas foram bem toleradas. No final do estudo concluiu-se que o Nitrato de Fenticonazol é um antimicótico eficaz com uma atividade igual ou mesmo maior que o miconazol.

Um ensaio clínico duplo-cego foi realizado para avaliar a eficácia e tolerância de uma vez por dia de Nitrato de Fenticonazol 2% em comparação com um ciclopiroxolamina aplicada por 2-4 semanas em 100 pacientes com lesões cutâneas micóticas.

A melhora clínica foi comparável em ambos os grupos de tratamento, com 91,8% e 89,8% dos pacientes, respectivamente, recebendo Nitrato de Fenticonazol ou ciclopiroxolamina sendo avaliados como curados ou melhorados. Após um período livre de drogas, a avaliação clínica de nove (20,9%) dos doentes tratados com Nitrato de Fenticonazol e 14 (30,4%) tratados com ciclopiroxolamina piorou. A incidência de efeitos colaterais foi baixa. Sugere-se que Nitrato de Fenticonazol e ciclopiroxolamina são igualmente eficazes na erradicação micoses cutâneas e que a sua eficácia e tolerância são comparáveis.

Na comparação clínica de eficácia feita com Nitrato de Fenticonazol contra miconazol conclui-se que o Nitrato de Fenticonazol 2% é altamente eficaz para o tratamento superficial em micoses de pele quando aplicada duas vezes ao dia, sua eficácia foi de 95% em casos de cândida.

Referências Bibliográficas

Clerico et al. R Efficacy and tolerance of Nitrato de Fenticonazol e versus miconazole cream. Int J Clin Pharmacol Res; 7(1): 77-81, 1987.
Altmeyer P et al. Effect of Nitrato de Fenticonazol e spray in cutaneous mycosis: a double-blind clinical trial versus cyclopyroxolamine spray. J Int Med Res; 18(1): 61-7, 1990.
Vannini P New therapeutic approach in skin mycoses: a comparative trial once versus twice daily application of Nitrato de Fenticonazol e in comparison to miconazole. Mycoses; 31(5): 280-4, 1988.

Em estudo randomizado, paralelo, foram avaliadas três diferentes doses de Nitrato de Fenticonazol em óvulo vaginal para o tratamento da candidíase vulvovaginal. Sessenta pacientes, com idade entre 17 e 71 anos, com candidíase vaginal sintomática confirmada por exame micológico, foram submetidas a tratamento com Nitrato de Fenticonazol óvulo, nas doses de: 200 mg/dia por 3 dias consecutivos, 600 mg em dose única, ou 1000 mg em dose única, sendo todos os tratamento realizados por via vaginal. A eficácia terapêutica foi avaliada após 7 dias do tratamento, clínica e micologicamente. Os três grupos de tratamento demonstraram alta eficácia clínica, com redução de sintomas e cura micológica em 85% das pacientes. O tratamento foi bem tolerado, não ocorreram recidivas do quadro nas pacientes tratadas, e como evento adverso observou-se apenas a ocorrência de sensação de ardor local.

Estudo realizado com 80 mulheres avaliou comparativamente o tratamento de candidíase vaginal realizado com Nitrato de Fenticonazol óvulo na dose de 600 mg/dia em dose única ou clotrimazol na dose de 500 mg/dia em dose única. A eficácia terapêutica foi observada após 7 dias do tratamento, e a ocorrência de recidiva foi avaliada após 4 ou 5 semanas. O Nitrato de Fenticonazol apresentou regressão dos sintomas de candidíase vaginal (eritema, prurido, corrimento e edema ) e também eliminação da Candida em cerca de 90% das pacientes. A tolerância ao tratamento foi excelente, sem casos de reações adversas.

Em estudo multicêntrico aberto, prospectivo, foram avaliadas a eficácia e tolerabilidade do Nitrato de Fenticonazol óvulo 600 mg em dose única no tratamento da candidíase vulvovaginal em 49 pacientes entre 18 e 65 anos. A eficácia foi avaliada clinicamente e micologicamente, com 8 e 28 dias após o tratamento. A avaliação global de eficácia (clínica e micológica) foi de 74,4% e 95,3%, respectivamente, nos dias 8 e 28 após o tratamento. A tolerabilidade foi boa, sem ocorrência de eventos adversos.

Referências Bibliográficas

WIEST, W; RUFFMANN, R. Short-term treatment of vaginal candidiasis with Nitrato de Fenticonazol e ovules: a three dose schedule comparative trial. J Int Med Res, v. 15, n. 5, p. 319-325, sept/oct. 1987.
WIEST , W; AZZOLLINI, E; RUFFMANN, R.Comparison of single administration with an ovule of 600 mg Nitrato de Fenticonazol e versus a 500 mg clotrimazole vaginal pessary in the treatment of vaginal candidiasis. J Int Med Res, v. 17, p. 369-372, jan/fev. 1989.
LEAL, Weydson. Nitrato de Fenticonazol óvulo 600 mg – eficácia e tolerabilidade no tratamento da candidíase vulvovaginal em dose única. Rev Bras Med, v. 59, n. 9, p. 679-683, setembro. 2002.

Estudo prospectivo não comparativo foi realizado para avaliar a eficácia e tolerabilidade do Nitrato de Fenticonazol no tratamento da vulvovaginite por Candida albicans. Nesse estudo 46 mulheres entre 19 e 60 anos com diagnóstico clínico e micológico de candidíase foram submetidas ao tratamento com Nitrato de Fenticonazol creme vaginal a 2% na dose de 5 g/dia por 7 noites consecutivas. A eficácia foi avaliada clinica e micologicamente,após 10 a 14 dias do tratamento (visita 1) e após 30 a 44 dias (visita Houve redução estatisticamente significativa da intensidade dos sinais e sintomas ardor, leucorréia, prurido, hiperemia, edema, descamação do epitélio; assim como também houve redução significativa das pacientes com exame micológico positivo, demonstrando a eficácia do tratamento. Apenas 6,5% das pacientes relataram a ocorrência de eventos adversos, sendo eles sangramento vaginal discreto (2 pacientes) e prurido (1 paciente).

Em um estudo duplo cego, foi avaliado comparativamente o tratamento da candidíase vaginal com Nitrato de Fenticonazol creme vaginal ou com clotrimazol creme vaginal com duração de tratamento de 7 dias. Das 54 pacientes avaliadas após o término do estudo, 95% apresentaram regressão dos sintomas com boa tolerância, não havendo registro de ocorrência de eventos adversos.

Referências Bibliográficas

HALBE, Hans Wolfgang et al. Estudo da eficácia e tolerabilidade do Nitrato de Fenticonazol no tratamento da vulvovaginite por Candida albicans. Rev Bras Med, v. 57, n. 11, p. 1306-1311, nov. 2000.
BREWSTER, Earl et al. Effect of Nitrato de Fenticonazol e in vaginal candidíasis: a double-blind clinical trial versus clotrimazole. J Int Med Res, v. 14, n. 6, p. 306-310. 1986.

Características Farmacológicas

Nitrato de Fenticonazol solução dermatológica spray é um antimicótico de amplo espectro.

O Nitrato de Fenticonazol tem elevadas propriedades fungistática e fungicida em dermatófitos (todas as espécies de Trichophyton, Microsporum e Epidermophyton ), em Candida albicans e outros agentes causadores de afecções da pele e mucosa (fungos dimorfos – Pityrosporum - leveduras).

O Nitrato de Fenticonazol inibe a oxidase do citocromo P450 da célula fúngica, inibindo a formação de ergosterol e alterando a permeabilidade da membrana. O Nitrato de Fenticonazol causa desintegração da estrutura da mitocôndria, lisossomos, peroxissomos e do retículo endoplasmático, induzindo assim, à destruição do fungo. Nitrato de Fenticonazol solução dermatológica spray também tem atividade antibacteriana em microrganismos gram-positivos.

O grau de absorção do Nitrato de Fenticonazol tritiado em humanos, medido após aplicação dérmica ou vaginal, foi muito baixo. A exposição máxima observada após aplicação dérmica de 1,3 g de Nitrato de Fenticonazol, na forma de creme 2% (correspondente a 26 mg/kg de princípio ativo), sobre uma área de 400 cm 2 , ou 25 µmol de spray 2% (correspondente a 5,4 mg/kg de princípio ativo) sobre uma área de 50 cm 2 foi, respectivamente de 1,2 µg/kg e 1,6 µg/kg.

Levando em conta o grau de absorção oral em ratos e cachorros , e que 20 mg/kg/dia foi o nível da dose sem efeito na toxicidade crônica e nos estudos reprodutivos, pode-se observar que os animais toleraram bem a administração repetida de quantidades de Nitrato de Fenticonazol 5.000 a 10.000 vezes e 21 a 134 vezes maiores do que aquelas sistemicamente absorvidas em humanos após administração dérmica e vaginal, respectivamente.

A baixa absorção sistêmica do Nitrato de Fenticonazol após aplicação cutânea ou vaginal é confirmada pela monitorização dos níveis plasmáticos da droga durante e ao final da terapia, em pacientes tratados com espuma dérmica 2%, loção 2% ou ducha vaginal 0,2%. Em todas as amostras analisadas a concentração plasmática do Nitrato de Fenticonazol foi de 5 ng/ml.

De acordo com a larga margem de segurança obtida, o uso de Nitrato de Fenticonazol percutâneo deve ser considerado desprovido de qualquer risco para o paciente.

O Nitrato de Fenticonazol é um antimicótico de amplo espectro.

Alta atividade fungistática e fungicida em dermatófitos (todas as espécies de Trichophyton, Microsporum e Epidermophyton ), em Candida albicans e outros agentes micóticos causadores de infecções da pele e mucosa.

Cura em 7 dias de micoses cutâneas causadas por Candida e dermatófitos em cobaias. O Nitrato de Fenticonazol também tem atividade antibacteriana contra microrganismos Gram-positivos.

Inibição da oxidase do citocromo P450 da célula fúngica, inibindo a formação de ergosterol e alterando a permeabilidade da membrana. O Nitrato de Fenticonazol causa desintegração da estrutura de mitocôndrias, lisossomos, peroxissomos e do retículo endoplasmático, induzindo assim a destruição do fungo.

O Nitrato de Fenticonazol também tem se mostrado ativo, tanto in vivo como in vitro em Trichomonas vaginalis.

O início da ação do Nitrato de Fenticonazol ocorre após cerca de 3 horas da aplicação vaginal, quando os níveis do medicamento no tecido vaginal atingem níveis significativos.

O grau de absorção do Nitrato de Fenticonazol tritiado (ou triciado) em humanos, medido após aplicação dérmica ou vaginal foi muito baixo. A exposição máxima observada após aplicação dérmica de 1,3 g de Nitrato de Fenticonazol, na forma de creme vaginal 2% (correspondente a 26 mg/kg de princípio ativo), sobre uma área de 400 cm 2 , ou 25 µmol de spray 2% (correspondente a 5,4 mg/kg de princípio ativo), sobre uma área de 50 cm 2 foi, respectivamente de 1,2 µg/kg e 1,6 µg/kg.

Após administração vaginal de óvulos de 200 mg ou 1000 mg a voluntárias saudáveis e pacientes com candidíase vulvovaginal, foi observada uma média de 1,34% +/- 0,82 (desvio padrão) e 1,81% +/- 0,57 (desvio padrão), a exposição máxima correspondente foi de 91 µg/kg e 400 µg/kg.

Levando em conta o grau da absorção oral em ratos e cães, e que 20 mg/kg/dia foi o nível da dose sem efeito na toxicidade crônica e nos estudos reprodutivos, pode-se observar que animais toleraram bem a administração repetida de quantidades de Nitrato de Fenticonazol 5.000 a 10.000 vezes e 21 a 134 vezes maiores do que aquelas sistematicamente absorvidas em humanos após administração dérmica ou vaginal, respectivamente.

A baixa absorção sistêmica do Nitrato de Fenticonazol após aplicação cutânea ou vaginal é confirmada pela monitorização dos níveis plasmáticos da droga durante e ao final da terapia, em pacientes tratados com espuma dérmica 2%, loção 2% ou ducha vaginal 0,2%. Em todas as amostras analisadas, a concentração plasmática do Nitrato de Fenticonazol foi de 5 ng/ml.

Fonte do conteúdo

Entramos em contato com você

Ganhe tempo com mais praticidade na gerenciamento da agenda, controle financeiro e prontuários eletônicos.