Clioquinol + Polimixina B + PrednisolonaBula do Princípio Ativo

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona - Para que serve?

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona possui ação antiinflamatória, antialérgica e antipruriginosa.

Indicado no tratamento das dermatoses infectadas, dermatites infecciosas e alérgicas ( eczema , impetigo , foliculites, acne e furunculose) e auxiliar no tratamento das queimaduras .

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona: Contraindicação de uso

Este medicamento é contra-indicado para menores de 2 anos.

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona é contra-indicado em casos de afecções cutâneas tuberculosas e em pessoas que apresentam sensibilidade aos componentes da fórmula. Pessoas que apresentem deficiência de arginase, liase arginosuccinato, sintetase carbamil fosfato, malária cerebral, citrulinemia, infecções fúngicas, deficiência de ornitina carbamiltransferase. Clioquinol + Polimixina B +

Prednisolona também é contra-indicado nos casos de grandes feridas abertas.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica. Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona: Posologia e como usar

Aplicar fina camada sobre a região afetada, três vezes ao dia, ou conforme critério médico.

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona - Reações Adversas

Informe ao médico o aparecimento de reações desagradáveis.

Toxicidade no sistema nervoso central , febre , nefrotoxicidade, bloqueio neuromuscular, erupção cutânea.

Hipersecreção gástrica, aumento do apetite, infecções, insônia , nervosismo.

Diabetes mellitus , hemorragia gastrintestinal, hipercortisolismo, períodos menstruais irregulares, osteoporose .

Inchaço abdominal, alterações nas provas de função hepática, Acne Vulgar , pancreatite aguda, dermatite alérgica, reações alérgicas, anafilaxia , hipertensão intracraniana benigna, retenção de líquidos do corpo, bradicardia, parada cardíaca, catarata , embolia de colesterol , distúrbio de condução e insuficiência cardíaca crônica, delírio, depressão , tontura , dispnéia, equimose, edema , eritema, úlcera esofágica, euforia, excitação, desmaio , falsa sensação de bem-estar, rubor, fraturas, glaucoma , glicosúria, alucinações, cefaléias, hepatomegalia , soluços, hirsutismo, hiperhidrose , Cognição Hipertensão, Insuficiência, cicatrização prejudicada, lipodistrofia, letargia, alterações de humor, fraqueza muscular, miopatia, náusea , neuralgia , neuropatia, hipertensão ocular, paranoia, parestesia , úlcera péptica , distúrbios de personalidade, petéquias, distúrbios psiquiátricos, edema pulmonar , erupção cutânea, descamação, estrias na pele, taquiarritmias, ruptura do tendão, desordem tromboembólica, tromboflebite, urticária , vasculite, vertigem, ganho de peso.

Angioedema , dermatite de contato , dermatite, devido à medicação tópica, eritema, irritação da boca, prurido de pele, erupções cutâneas, picadas de pele, urticária.

Bradicardia, distúrbio de condução do coração, cianose , cefaléias, hipotensão , metemoglobinemia, depressão respiratória, convulsões, tremores, eritema, prurido de pele, inflamação da pele, irritação da pele, erupção cutânea.

Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária – NOTIVISA, disponível em http://www.anvisa.gov.br/hotsite/notivisa/index.htm, ou para a Vigilância Sanitária Estadual ou Municipal.

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona: Interações medicamentosas

Não existem relatos de interações medicamentosas com o uso de Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona.

Deve-se evitar o uso concomitante de Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona com vacina BCG , aminoglicosídeos e anestésicos , em função da polimixina B diminuir o efeito da vacina e aumentar o efeito dos aminoglicosídeos e anestésicos.

Deve-se evitar o uso concomitante de Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona com anfotericina B , aldesleucina, mifepristone, quinolonas, anticoagulantes, indometacina em função da probabilidade de causar reação adversa com estas drogas já que o medicamento contém prednisolona. Além disso, evitar uso juntamente com anticolinesterásicos devido ao risco de diminuição do efeito dos anticolinesterásicos frente a corticosteriodes.

Deve-se avaliar o risco do uso concomitante de Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona com contraceptivos hormonais, estrógenos, antibióticos macrolídeos, itraconazol , cetoconazol em função do risco de corticosteróides aumentarem o efeito destas drogas.Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona também deve ser cautelosamente utilizado concomitantemente com carbamazepina e hidantoína, rifampicina , barbitúricos, salicilatos em razão do risco de corticosteróides diminuírem o efeito destas drogas.

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona: Precauções

Após aplicar o medicamento sobre a região afetada, isolar com gaze, pois a pomada pode manchar roupas e acessórios.

Usar somente se necessário:

Possível risco de fissuras orofaciais no feto.

Usar com precaução em casos de diabetes, retenção de líquidos, hipertensão e osteoporose.

O fármaco demonstrou evidências positivas de risco fetal humano, no entanto os benefícios potenciais para a mulheres podem, eventualmente, justificar o risco, como por exemplo, em casos de doenças graves ou que ameaçam a vida, e para as quais não existam outras drogas mais seguras.

Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início, ou durante o tratamento.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica. Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.

Este medicamento pode causar doping.

Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona: Ação da substância no organismo

Resultados de Eficácia

A revisão literária que traz o artigo de Pangilinan, R. demonstra a eficácia e segurança do uso tópico de polimixina B para tratamento de infecções de pele. Também deixa claro que a primeira escolha para este tipo de infecção é tratamento tópico em função da diminuição de resistência bacteriana com o tratamento sistêmico.

Outro artigo de revisão bibliográfica demonstrou que os corticosteroides tópicos são amplamente utilizados com eficácia e segurança em um amplo espectro de condições dermatológicas, dentre as quais as inflamações de pele, as dermatites (eczemas) o alívio sintomático de lesões pruriginosas e ardências, apesar de não ser a única escolha. O trabalho também salienta que para o sucesso do tratamento, o diagnóstico exato, a escolha da forma farmacêutica mais adequada, a potência do corticosteróide a ser utilizada, a posologia e duração do tratamento são fundamentais para obter uma resposta rápida e efetiva com menor risco para o paciente.

O uso de clioquinol em preparações tópicas, ainda que em associações, foi testado in vitro. Constatou-se que seu efeito bacteriotático e bactericida é amplo e sua eficácia não é prejudicada ainda que clioquinol esteja associado a outras drogas sendo recomendado para dermatoses infecciosas até hoje.

Benzocaína é utilizada topicamente para o alívio temporário da dor e prurido associados a queimaduras. Também apresenta eficácia quando usado topicamente para o alívio temporário da dor e prurido associados a episiotomia, prurido vulvar, entre outros.

Características Farmacológicas

A polimixina B é um moderno e potente antibiótico; a prednisolona é esteróide de efeitos antiinflamatório, antialérgico , antipruriginoso; a benzocaína atua como analgésico local; e o clioquinol tem propriedades fungicidas e bactericidas intensas. A associação destas substâncias confere ao Clioquinol + Polimixina B + Prednisolona ampla aplicação nas dermatoses alérgicas infectadas, tanto endógenas como exógenas, e em outras lesões inflamatórias da pele.

Em particular, respondem satisfatoriamente a esta terapêutica, o eczema infantil , os eczemas reicidivantes do adulto, tais como o eczema de pálpebras, do conduto auditivo externo, impetigo, eczema de contato anal ou vulvar e prurido ano-genital.

Entramos em contato com você

Ganhe tempo com mais praticidade na gerenciamento da agenda, controle financeiro e prontuários eletônicos.