Cardiologista em Bicas - MG

Antonio Carlos Barreto

11010 MG

Clínica Médica, Cardiologista e Médico

Saber mais sobre
Especialidades de Antonio Carlos Barreto
Serviços de Antonio Carlos Barreto
Tratamentos de Antonio Carlos Barreto
Convênios de Antonio Carlos Barreto
Endereços de Antonio Carlos Barreto
Sobre de Antonio Carlos Barreto
Agenda de Antonio Carlos Barreto
WhatsApp de Antonio Carlos Barreto

Ver contato, whatsapp e mais

Carlos Carvalhaes Machado

10391 MG | RQE: 8002

Clínica Médica, Cardiologista e Médico

Saber mais sobre
Especialidades de Carlos Carvalhaes Machado
Serviços de Carlos Carvalhaes Machado
Tratamentos de Carlos Carvalhaes Machado
Convênios de Carlos Carvalhaes Machado
Endereços de Carlos Carvalhaes Machado
Sobre de Carlos Carvalhaes Machado
Agenda de Carlos Carvalhaes Machado
WhatsApp de Carlos Carvalhaes Machado

Ver contato, whatsapp e mais

Crie sua conta profissional

Conta Profissional

Aumente sua visibilidade e eficiência com a plataforma ClínicaWork, facilidade na Gestão de agendamentos, recebendo avaliações de pacientes para construção da sua reputação online e estabelecendo sua credibilidade como um profissional de saúde.

Perguntas Frequentes sobre Cardiologa

O que faz um Médico Cardiologista? O Cardiologista é aquele que cuida da saúde do coração. Assim, os médicos que atuam nessa área são responsáveis pela consulta, diagnóstico, tratamento de doenças e disfunções ligadas ao sistema cardiovascular.
5 sintomas que indicam quando procurar um cardiologista:
  1. Falta de ar ao fazer esforço. Muitas vezes, a idade ou o cansaço dificultam a execução de algumas atividades simples, que consideramos fáceis.
  2. Palpitações.
  3. Dores de cabeça frequentes e sem motivo aparente.
  4. Dores no peito.
  5. Desmaios.
  • falta de ar ao fazer algum esforço;
  • cansaço excessivo e anormal;
  • dores no peito;
  • batimentos acelerados;
  • palpitações;
  • desmaios frequentes;
  • pele azulada.
  • dores de cabeça anormais e sem motivo aparente.
Em primeiro lugar, o cardiologista vai perguntar ao paciente o que o levou até ali. Ou seja, se vai ser uma consulta de prevenção ou para detectar alguma doença. A saber, é recomendado que homens e mulheres a partir dos 40 anos procurem o cardiologista.
O que o médico e paciente conversam é quando o cardiologista coleta os dados mais importantes para a avaliação da saúde de seu paciente. É essencial que todas as perguntas que ele fizer sejam respondidas com sinceridade. Nenhuma questão deve ser omitida, pois assim a análise será a mais correta possível.
A insuficiência cardíaca pode ter cura, mas isso vai depender das causas, estágio da doença e tratamentos. Atualmente, com o avanço das tecnologias e estudos acerca da enfermidade, é possível reverter o quadro. Para que isso aconteça o paciente deve seguir as indicações à risca, sem qualquer alteração.